Policial morre e cliente leva tiro em loja da Oi em Timon

Policial morre e cliente leva tiro em loja da Oi em Timon As notícias não param de chegar e dão conta de que o soldado da PM do Piauí foi morto com um tiro na cabeça durante uma tentativa de assalto na loja OI de Timon, por volta das 11 horas, desta sexta-feira(31) e uma mulher identificada como Lilian Raquel moradora do bairro Joaquim Pedreira, estudante de direito, levou um tiro na cabeça e está internada no HUT, o irmão da jovem afirmou que a estudante está fora de perigo, mas ainda está sob observação no após passar por uma cirurgia.

“Disseram que ela está em recuperação e que temos que aguardar, mas não disseram quanto tempo. O médico disse que temos que ver como ela vai reagir e disse também que a cirurgia foi um sucesso”, contou.

Policial morre e cliente leva tiro em loja da Oi em Timon

Ainda de acordo com pessoas próximas ao local, Lilian levou um tiro para defender sua mãe que é deficiente visual, que ficou na frente da senhora para defende-la, já que estava desorientada no momento da ação dos criminosos.

Os suspeitos teriam fugido em uma motocicleta XRE, cor preta, de acordo com as notícias três, sendo um deles, uma mulher e foram perseguidos pelas viaturas.

De acordo com a Central de Flagrantes, através do delegado de plantão, Rogério, foi para o local e a perícia também foi acionada, o IML também foi acionado e está se deslocando para o local do crime.

O soldado Marcio Roberto da Costa Silva era lotado no 10º° Batalhão em Guadalupe, há informações de que os bandidos foram cercados no povoado Piranhas, zona rural de Timon e estaria havendo troca de tiros.

Investigações

Policial morre e cliente leva tiro em loja da Oi em TimonO chefe de investigação do 1º Distrito Policial de Timon, Célio, informou que a perícia ainda está no local, fazendo os primeiros levantamentos.

“Ainda está tudo muito preliminar, até o momento sabemos que eram dois elementos numa moto XRE e possivelmente uma terceira pessoa, que seria uma mulher. Quando chegaram ao local, anunciaram o assalto e tinha um policial militar e acredita-se que ele era cliente, que reagiu, conseguiu efetuar um disparo, mas foi alvejado. A arma ficou na loja e não conseguiram efetuar o roubo”, disse o chefe de investigação.

Há também a hipótese de que ele era vigilante do local.

O investigador disse ainda que as polícias militar e civil do Maranhão e militares do Piauí estão fazendo diligências no sentido de identificar e prender os suspeitos. “Temos informes de uma pessoa baleada no hospital do Dirceu e já está sendo checado”, afirmou.

O policial morto foi alvejado com pelo menos três tiros, sendo que um acertou a cabeça, vitimando o militar no local.

As investigações também usarão câmeras de segurança da loja e de lojas vizinhas, para tentar identificar os suspeitos.

O corpo do policial foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). A senhora baleada na cabeça foi encaminhada para um hospital.

Suspeito preso

Policial morre e cliente leva tiro em loja da Oi em Timon O irmão da vítima estava na Central de Flagrantes no momento em que um suspeito chegava ao local para prestar esclarecimentos à polícia. Tiago Leite Ribeiro de Sousa, 19 anos, de apelido Cara de Pão, foi preso no Hospital do Dirceu Arcoverde, na zona sudeste de Teresina.

Segundo o tenente Miguel Luz, da Força Tática do 1º Batalhão, o suspeito nega participação no crime. “Ele diz que nada tem a ver com o caso e que foi baleado em uma outra ocorrência, mas gente que estava no local do assalto em Timon reconheceu ele”, disse o tenente.

Cara de Pão chegou a ser transferido para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) com ferimentos na barriga e mão esquerda.

“A gente trouxe ele para a Central de Flagrantes de Timon para que possa conversar com o delegado que acompanha o caso, já que ele apresenta ferimentos no mesmo local que um dos suspeitos do crime”, explicou Major John Feitosa, comandante do 1º BPM

Fonte / Edição: Veja Timon

Via/Imagem: Cidade Verde

Comentar via FaceBook

Comentários

Deixe uma resposta