Venezuela aumenta preço da gasolina

Venezuela aumenta preço da gasolina
Gasolina brasileira uma das mais caras do mundo

Em pronunciamento anual à Assembleia Legislativa, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou que vai aumentar o preço da gasolina em 2015, após 18 anos sem reajuste do produto no país, o mais barato do mundo.

Segundo o mandatário, “chegou o momento” de tomar a decisão, em vista da atual conjuntura econômica da Venezuela e do cenário internacional de queda histórica do valor da commodity. Após quase cinco anos de estabilidade, o preço do petróleo caiu mais de 50%, quando foi de US$ 115 por barril a menos de US$ 60, em pouco mais de seis meses.

Como o petróleo é responsável por 95% das suas exportações, a Venezuela depende exclusivamente do “ouro negro” para garantir uma balança comercial favorável. Ontem, o chefe de Estado venezuelano também admitiu que o custeio da gasolina consome cerca de US$ 12,5 bilhões por ano em subsídios. “É claro que a receita faz falta…, o que eu estou dizendo é que não há desespero”, disse Maduro, de acordo com a Reuters. “Será feito este ano, sem pressa, mas será feito”, completou, na noite desta quarta-feira (21/01).

No início de 2015, Caracas entrou oficialmente em recessão e apresenta uma hiperinflação de preços de mercadorias essenciais. Em vista desse panorama, Maduro também anunciou que vai reorganizar o sistema de taxas de câmbio, na tentativa de fortalecer as receitas do país.

 

Edição: Veja Timon

Via: EFE

Comentar via FaceBook

Comentários

Deixe uma resposta