Blog do RibinhaGeral

Ala governista pró/Rafael acha que publicação de áudio detona candidata de Luciano Leitoa

O áudio com a voz da diretora é intrigante e causa reboliço entre as duas alas do governo

O pessoal do governo Leitoa que pertence a ala que defende o nome do deputado Rafael Leitoa como candidato a prefeito de Timon, arranjou, no áudio da diretora de Departamento da Secretaria de Educação, enviado por engano a um grupo cheio de leitoas, um forte argumento para desgastar a secretária Dona Sebastiana, até aqui tida como nome certo da simpatia do prefeito para sucedê-lo no cargo.

Nos bastidores, existe até incentivo para que o jornalista divulgue o áudio e acabe logo com o mistério de quem realmente fala e o que fala do governo Leitoa, do prefeito Luciano, do ex-prefeito, do deputado é até de situações pessoais relacionada à família leitoa. Assim a voz estará escancarando mais uma travessura nas hostes do poder questionável aos olhos e ouvidos da opinião pública. Embora quase toda cidade já tenha ouvido o áudio, uma coisa é torná-lo público em veículo de comunicação para que todos tenham acesso. Apostam os anti-sebastiana que o resultado seria devastador para sua pré- candidatura.

Por outro lado, existem membros do governo mais preocupados com a imagem do governo, após a divulgação na imprensa do audio e o que seus efeitos podem causar em todo governo. Por isso, esses membros têm ponderado, que o melhor é que esse áudio não venha à tona nesse momento, pois todos serão prejudicados.

Diante do dilema governamental e da discussão em divulgar ou não o áudio com a voz da diretora, o blog está mais interessado na imagem que a voz fala e que foi motivo de seu mais descontentamento, inclusive pelo fato do ex-prefeito se deliciar da imagem, mas que para a diretora é uma falta de postura dos retratados.
Portanto, para os fofoqueiros de plantão o momento ainda está de inquieta manifestação para saber se o áudio vai ou não ser publicado.
Quem sabe, se a imagem que causou a confusão toda não seria por assim dizer o fim do governo!

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.