Detento morre na Casa de Custódia em Teresina

spot_img
Compartilhe:

casadecustodia-de-teresina-piaui

 

Na tarde deste domingo (8), a Secretaria de Justiça do Piauí divulgou nota informando que o preso encontrado morto na C não apresenta sinais de violência e a causa mais provável do seu falecimento é infarto.

Veja a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre o detento Clemilton Carvalho de Sousa, encontrado morto na manhã deste domingo (8), no pavilhão I da Casa de Custódia, a Secretaria Estadual de Justiça esclarece que:

Clemilton passou mal por volta de 4 horas e foi encontrado morto pelos agentes penitenciários na manhã de hoje. A perícia e o IML (Instituto Médico Legal) foram acionados e, a princípio, a causa da morte apontada é infarto. Clemilton tinha 44 anos, era natural de Teresina e estava na unidade desde 17 de fevereiro de 2014. Não há suspeita de homicídio, e, em breve, o IML deve divulgar o laudo final. Não foram encontradas marcas de violência no corpo do detento. A Secretaria de Justiça, através do Serviço Social, está acompanhando a família e tomando todas as providências legais para garantir o sepultamento.

Os agentes penitenciários da Casa de Custódia confirmaram a morte do detento Clemilton Carvalho de Sousa. Ele foi encontrado já sem vida na manhã deste domingo (8), dentro do Pavilhão I do presídio, local onde são feitas as triagens. Segundo o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sinpoljuspi), Vilobaldo Carvalho, o preso sofria de problemas de coração e foi a segunda morte natural registrada na Casa de Custódia somente este ano.

O delegado Samuel Silveira, da Delegacia de Entorpecentes, confirmou ao Cidadeverde.com que todas as características vistas no corpo do detento indicavam que a causa da morte foi um infarto. “O laudo preliminar do IML [Instituto Médico Legal] apontou que a morte ocorreu por volta das 4h e agora serão feitos exames para comprovar o infarto”, completou o delegado. O corpo de Clemilton só foi encontrado nas primeiras horas desta manhã. Ele cumpria pena por roubo.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários informou a morte de um presidiário no Pavilhão I da Penitenciária Casa de Custódia, em Teresina. A perícia está no local e até o momento não há informações sobre a causa da morte.

“Pode ter sido morte natural ou homicídio, mas acreditamos que foi natural porque o detento tinha problemas de coração e porque o Pavilhão I só tem três celas, não é muito numeroso”, explicou o presidente do sindicato, Volobaldo Carvalho.

O pavilhão onde o preso morreu é onde são feitos os procedimentos de triagem. Se o caso for de morte natural, é o segundo registrado em 2015. Em janeiro, um outro detento morreu durante um princípio de rebelião, vítima de uma úlcera.

 

Edição: Veja Timon

Imagem: Internet/Google

Via: Cidade Verde

Compartilhe:
Veja Timonhttps://www.vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Morre “Flávio Jubileu” figura lendária de Timon

A deputada Socorro Waquim lamentou a morte de Flávio Jubileu. Após ter sido anunciada sua morte por várias vezes, realmente hoje, 27, foi anunciada e...

Em evento especial, Câmara de Timon debate sobre suicídio e violência contra a mulher

O evento foi organizado pela vereadora petista Da Luz do 7 Estrelas. Nesta terça-feira, 26, foi realizada na Câmara Municipal de Timon um evento para...

Adolescentes da Funac participarão de ação social na Casa do Idoso em Timon

Adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa no Centro Socioeducativo de Semiliberdade de Timon, unidade da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), participarão, nesta...