Blog do RibinhaGeral

Pagamento de auxílio emergencial aos artistas de Timon ainda não saiu

Se não for pago, mais de 1 milhão e 252 mil serão devolvidos

O pagamento do auxílio emergencial para Artistas, grupos coletivos de cultura, mestres de cultura popular, terreiros pela cultura afro e movimentos culturais de Timon, cadastrados e contemplados através dos editais ainda não saiu e a classe e os grupos estão em polvorosa e preocupados com o retorno do recurso de 1 milhão e 252 mil aos cofres do governo.

O recurso destinado ao município pela Lei Aldir Blanc como auxílio emergencial pelo governo federal e que é responsabilidade da Fundação Cultural de Timon fazer o repasse, mas apesar de terem feitos algumas etapas, os beneficiados alegam falta de transparência a partir dos cadastros e o com a data do pagamento, pois há mais de um mês, segundo informações repassadas ao blog, os gestores marcam datas para o depósito do auxílio, sem que esse pagamento seja cumprido.

Se o dinheiro não for repassado a quem direito até o prazo previsto que o final deste mês, será devolvido e os artistas e toda classe ficarão sem auxílio.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.