Prefeitura de Teresina inicia entrega de kit merenda a alunos e computadores portáteis a escola

spot_img
Compartilhe:

Por Naftaly Nascimento*, G1

A Secretaria Municipal de Educação (Semec) de Teresina iniciou na última quinta-feira (15), no Centro Municipal de Educação Infantil Tia Fanny, no Vale do Gavião, Zona Leste da capital, a entrega do kit merenda para mais de 91 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino.

Os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) serão os primeiros a entregar os kits, que possuem os mesmos alimentos contidos nas refeições das escolas, como carne, frango, arroz, leite, verduras e frutas. São mais de 13 mil famílias atendidas nesta primeira etapa.

Entrega de computadores portáteis a escola

Prefeitura entre computadores portáteis a escola de Teresina — Foto: Ascom PMT

Também na manhã da quinta-feira (15), a Prefeitura de Teresina entregou computadores portáteis que serão instalados nas escolas da rede municipal de ensino para atender alunos que estão com dificuldade de acesso às aulas online. A primeira Sala Virtual foi instalada na Escola Municipal Olímpio Castro de Oliveira, no Vale do Gavião, Zona Leste de Teresina.

De acordo com o secretário municipal de educação, Nouga Cardoso, uma equipe técnica foi formada para reparação dos equipamentos que serão instalados nas unidades escolares.

“Já contabilizamos mais de três mil aparelhos em desuso, exatamente quando alunos e professores mais precisam de equipamentos para a rotina de aulas remotas. A sala vai atender alunos que estão com dificuldade de acesso às aulas online”, afirmou o secretário municipal de educação, Nouga Cardoso.

Equipamentos em desuso

Computadores portáteis encontrados em desuso pela Semec em Teresina — Foto: Semec Teresina

Em março deste ano, a Secretaria Municipal de Educação (Semec) de Teresina informou que localizou em depósitos e armários mais de 3 mil computadores portáteis em desuso que foram adquiridos em 2014 pela última gestão.

Segundo a Semec, na ocasião, foram comprados 5 mil computadores portáteis para o fomento da inclusão digital, por meio do programa Um Computador por Aluno (UCA), no valor total de R$ 28 milhões.

O programa tinha como objetivo promover a inclusão digital pedagógica mediante a utilização de computadores que deveriam contribuir para a aprendizagem dos alunos do ensino fundamental, que estariam conectados à rede mundial de computadores.

Ainda de acordo com a Semec, o programa não passou da fase de testes, principalmente pela dificuldade na distribuição da internet, o que acabou deixando os equipamentos em desuso.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Morre “Flávio Jubileu” figura lendária de Timon

A deputada Socorro Waquim lamentou a morte de Flávio Jubileu. Após ter sido anunciada sua morte por várias vezes, realmente hoje, 27, foi anunciada e...

Em evento especial, Câmara de Timon debate sobre suicídio e violência contra a mulher

O evento foi organizado pela vereadora petista Da Luz do 7 Estrelas. Nesta terça-feira, 26, foi realizada na Câmara Municipal de Timon um evento para...

Adolescentes da Funac participarão de ação social na Casa do Idoso em Timon

Adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa no Centro Socioeducativo de Semiliberdade de Timon, unidade da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), participarão, nesta...