Projeto Alfabetiza Teresina ganha 3º lugar no Prêmio Cidades Sustentáveis 2019

spot_img
Compartilhe:

Destacando administrações municipais que tenham políticas públicas bem-sucedidas e inovadoras na redução das desigualdades, o Prêmio Cidades Sustentáveis divulgou os vencedores da edição 2019, que mostra Teresina em 3º lugar. A conquista foi com o Projeto Alfabetiza Teresina, uma ação conjunta da Secretaria Municipal de Educação (Semec) com as escolas da Prefeitura que possuem turmas em ciclo de alfabetização.

O prêmio só reconhece boas práticas com resultados concretos e mensuráveis. O objetivo é compartilhar esses exemplos por todo o país, para inspirar e buscar resultados cada vez melhores em todas as áreas da administração. Teresina se destacou no tema “Acesso à serviços”, categoria cidades grandes.

A iniciativa é também no sentido de buscar alternativas que apresentem melhora integrada dos indicadores, visando a redução das desigualdades. “Para conquistar o terceiro lugar, apresentamos uma série de relatórios que comprovam na prática a eficácia do projeto. Vem dando tão certo em Teresina, que faz mesmo todo o sentido ser exemplo nacional de boa prática”, declara a coordenadora de Alfabetização da Semec, Carmem Portela.

Criado em 2018, o Alfabetiza surgiu para fortalecer as ações de leitura e escrita desenvolvidas nas unidades de ensino do município. As equipes gestoras e a Semec passaram a planejar, monitorar e avaliar melhor a rotina dos alunos em processo de alfabetização para acompanhar o ritmo de cada criança.

A meta do secretário municipal de Educação Kleber Montezuma é alfabetizar todos os alunos ao final do 1º ano do ensino fundamental. Com um esforço coletivo e ações direcionadas pelo Alfabetiza Teresina, no ano passado, mais de 80% das crianças concluíram o 1º ano com habilidades consolidadas de leitura e escrita. “Estamos trabalhando pelo 100% esse ano, nenhuma criança fica para trás”, afirma Montezuma.

A terceira edição do Prêmio Cidades Sustentáveis recebeu 114 inscrições de boas práticas desenvolvidas em 61 municípios, distribuídos por 15 Estados de todo o Brasil. A promoção é do Programa Cidades Sustentáveis e Oxfam Brasil, em parceria com a Associação Brasileira de Municípios e Frente Nacional de Prefeitos. A iniciativa contou com apoio do CITinova, Fundação Ford e Instituto Arapyaú.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Síndrome Gripal: Águas de Timon recomenda que população busque atendiemento digital

Por meio da Agência Virtual disponível no site da concessionária (www.aguasdetimon.com.br), por exemplo, é possível consultar débitos em aberto, denunciar fraude de água, fazer...

Dinair Veloso quer gastar 29 milhões com secretaria de ex-primeira-dama

Essa dinheirama toda seria gasto com um programa de Consumo Sustentável, que tem mais a ver com a Secretaria de Meio Ambiente e  com...

Apoio de Weverton Rocha a Lula causa incômodo no PDT

A de postura do senador Weverton Rocha (PDT-MA), de declarar apoio a Lula (PT) mesmo com sua sigla tendo Ciro Gomes como pré-candidato à Presidência da República, causou incômodo nas fileiras...