Blog do RibinhaGeral

Socorro diz que sua fala em cima de líder do governo Dino foi distorcida para atacar Roseana Sarney

Em discurso, a vereadora cobrou que o líder peça ao governador para fazer a MA-040

O discurso forte da vereadora  Professora Socorro Waquim (MDB), em cima do deputado Rafael Leitoa (PDT), cobrando dele uma ação efetiva em favor da construção da MA-040 reivindicada pelos 47 vereadores de Matões, Parnarama e Timon presentes ontem, 27, na Câmara de Timon, que formam a Frente Parlamentar em favor da estrada acabou servindo de instrumento para distorção da fala e tentar jogar a ex-prefeita Socorro Waquim contra a ex-governadora Roseana, atribuindo a Socorro, a fala de que Socorro teria chamado sua aliada de “defunta”, caracterizada em informação difundida pelos agentes de plantão da Prefeitura de Timon nos meios de comunicação,

Esclarece a Professora, que em nenhum momento de seu discurso teria cometido tal grosseria com sua aliada política do partido, mas ao chamar a responsabilidade Rafael Leitoa, que no momento é o representante junto ao governo estadual e líder do governo Flávio Dino para que faça a pavimentação da estrada e esqueça tudo o que já foi feito no passado como forma de “desenterrar atos e promessas” que não foram concretizadas, o governo municipal, quer difundir informação contraditória e distorcida para espalhar seu veneno e disseminar o ódio, lamentou a ex-prefeita.

“Senhor Deputado a sua  responsabilidade e a cobrança é muito grande, não vou falar de mérito. O senhor está aqui recebendo uma determinação, uma convocação de 47 vereadores para que definitivamente e junto ao governo do estado, faça a MA-040, fazer. Gestão é isso, é execução, é fazer. Eu vou testemunhar de quando fui prefeita só vi dois governadores fazendo algo concreto: Jackson Lago, fez 7 kms e depois o deputado Professor Sétimo, que fez mais 7 kms com emenda parlamentar de 2 milhões de reais pela Codevasf, e depois o Zé Reynaldo quando mandou um recurso para Timon para recuperar o leito da estrada e fazer as pontes de madeira”, disse Socorro provocando o deputado Rafael Leitoa.

Finalizando seu discurso, Socorro disse que: “foi dito aqui que o governador não tem dinheiro, e não tem mesmo não, está tomando dinheiro emprestado para pagar precatórios de professores, mas quando se quer se faz. Mas gente (se referindo à frente parlamentar), não vamos para uma audiência pública para ouvir, prometer.  Vamos para uma audiência com o deputado já dizendo: “está aqui, eu consegui com o governador, pois eu sou líder do governo do Estado do Maranhão”. E não é pouca coisa não, é muita coisa, frisou Socorro de direcionando ao deputado: “E eu consegui com o governador que vai fazer as pontes e a estrada”. E lhe faço essa provocação, deputado Rafael Leitoa, porque não posso fazer para outro. Tenho que fazer pro senhor, porque o senhor é quem é o deputado estadual da região dos  Cocais. E, se os outros governos não fizeram, que ele faça a diferença, que deixe esse legado”, disse. Quanto tempo que passou e nós não queremos que a MA-040 tenha a mesma história da 226, que está ai para terminar e não termina. Então, é preciso que a gente se irmane mesmo, mas é preciso que a gente tenha a consciência que nós podemos muito pouco e que podemos é que nós estamos fazendo, alertando é sensibilizando é chamando à atenção e dizendo ao povo de nossa terra que os vereadores estão aqui no seu dia-a-dia estão atento às suas necessidades, mas quem tem o dinheiro, quem tem a caixa do dinheiro pra fazer a MA-040. Quem é? É o governo do estado. E quem o representante eleito dessa região para poder conseguir esse dinheiro? Deputado Rafael Leitoa, que tem dois anos, se nesse dois anos ele não conseguir, aí meu amigo, vai dizer pro governador o seguinte: governador o povo de Timon, Matões e Parnarama acreditou em você duas vezes, esperou por você duas vezes, agora é preciso que alguém venha fazer”, disse Socorro.

 

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.