Teresina e Timon integradas em promover projeto de planejamento urbano com Ministério da Ciência

spot_img
Compartilhe:

A Prefeitura de Teresina participou nesta sexta-feira (16), de encontro com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MTCI) e membros do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) para a apresentação das atividades do Projeto CITinova (GEF-7), de Governança Metropolitana da RIDE grande Teresina, que visa a promoção de um planejamento urbano integrado entre as regiões metropolitanas brasileiras para a redução de emissões de gases de efeito estufa, conservação da biodiversidade e a obtenção de benefícios econômicos, sociais e ambientais.

A reunião híbrida, com a participação online dos membros do Ministério, foi uma organização da Secretaria de Planejamento e Coordenação, através da Agenda Teresina 2030, departamento que integra a pasta. Além disso, a Prefeitura de Timon esteve presente como integrante da Região Integrada de Desenvolvimento (RIDE) da Grande Teresina, através do Secretário de Governo, Saney Sampaio, e a Secretária de Comunicação, Suzy Sousa.

“Nosso objetivo é continuar com o desenvolvimento desse projeto em Teresina e criar evidências para que possamos trabalhar esse tema tão importante em outras regiões metropolitanas do país. Queremos atuar de forma integrada com as duas cidades para que possamos desenvolver projetos pilotos. Desde 2020 estamos em detalhamento dessas ações com foco na redução da emissão de gases de efeito estufa e ações de preservação do meio ambiente para que possam ser implementadas, de fato, a partir deste ano”, explanou Sávio Túlio Oselieri, diretor do Departamento de Ciências da Natureza, do Ministério da Ciência.

Os programas e projetos prioritários para a Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina serão financiados com recursos do Orçamento da União, dos estados e dos municípios abrangidos pela Ride, além de operações de crédito externas e internas.

“São 14 cidades que formam a RIDE e temos a satisfação de ter o município de Timon conosco. Entendemos que esse trabalho traz reflexos positivos para a o planejamento da cidade, que é algo que vem sendo reafirmado pelo nosso prefeito Dr. Pessoa em seu trabalho diário. O Ministério nos trouxe explicações valiosas sobre o andamento e a estrutura do projeto. Temos tudo para avançar, pois as questões ambientais é uma pauta no mundo inteiro e Teresina também está trabalhando nisso”, afirmou o secretário de Planejamento, João Henrique Sousa.

A proposta de projeto, elaborada em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), agência implementadora do projeto, foi aprovada pelo GEF em dezembro de 2019. “Atualmente, o projeto encontra-se em fase preparatória, na qual a WRI Brasil foi contratada para coordenar detalhamento dos produtos e atividades. A implementação está prevista para ocorrer de 2021 a 2024”, explica Cíntia Bartz, coordenadora da Agenda Teresina 2030.

Para a Prefeitura de Timon, as ações contemplam o que a Constituição Federal explana e a participação no RIDE proporciona uma oportunidade ímpar de desenvolvimento de ações focadas no meio ambiente. “Estamos alegres por esse encontro, uma reunião que reforça os interesses de contribuir e compartilhar projetos que implicam positivamente no meio ambiente. Reforçamos a certeza do nosso empenho e vamos repassar as informações para a Prefeita Dinair Veloso e demais membros da equipe”, concluiu secretário de Governo de Timon, Saney Sampaio.

Participaram também do encontro o Superintendente da Strans, Cláudio Pessoa; o Presidente da Prodater, Jobson Filho; e os secretários executivos da Semplan, Kárita Allen e Ítalo Portela.

Região Integrada de Desenvolvimento (Ride)

A Ride da Grande Teresina é formada pelos municípios de Altos, Beneditinos, Coivaras, Curralinho, Demerval Lobão, José de Freitas, Lagoa Alegre, Lagoa do Piauí, Miguel Leão, Monsenhor Gil, Nazária, Pau D´arco do Piauí, Teresina e União, no estado do Piauí, e pelo município de Timon, no estado do Maranhão.

Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF)

O GEF foi criado em 1991 para ajudar os países em desenvolvimento e países com economia em transição a resolver os problemas ambientais mais urgentes em nosso planeta, apoiando projetos e programas que atendam aos objetivos das convenções e acordos ambientais internacionais. O objetivo do fundo é a promoção de planejamento urbano integrado em regiões metropolitanas brasileiras visando a redução de emissões de gases de efeito estufa, a conservação da biodiversidade e a obtenção de benefícios econômicos, sociais e ambientais

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Morre “Flávio Jubileu” figura lendária de Timon

A deputada Socorro Waquim lamentou a morte de Flávio Jubileu. Após ter sido anunciada sua morte por várias vezes, realmente hoje, 27, foi anunciada e...

Em evento especial, Câmara de Timon debate sobre suicídio e violência contra a mulher

O evento foi organizado pela vereadora petista Da Luz do 7 Estrelas. Nesta terça-feira, 26, foi realizada na Câmara Municipal de Timon um evento para...

Adolescentes da Funac participarão de ação social na Casa do Idoso em Timon

Adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa no Centro Socioeducativo de Semiliberdade de Timon, unidade da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), participarão, nesta...