Blog do RibinhaGeral

Participante da organização criminosa que desviou mais de 110 milhões do transporte escolar era contratada pela Educação de Timon

Lana Mara, mulher do empresário Luiz Carlos, foi admitida na Semed em janeiro 2013

No dia em que a operação topique foi deflagrada, circulou boato de que a sede da Semed, em Timon, teria sido visitada por agentes da PF. A informação não foi confirmada

Segundo o inquérito que apura as investigações sobre os desvios mais de 110 milhões de reais de recursos do transporte escolar, em Prefeituras nas cidades do Piauí e Maranhão, instaurado pelo Ministério Público Federal do Piauí, uma das componentes da organização criminosa exerceu cargo na Secretaria de Educação de Timon a partir de janeiro de 2013, primeiro ano da primeira gestão do Prefeito Luciano Leitoa na Prefeitura de Timon e de sua tia Sebastiana Veloso, na Educação.

As informações de que Lana Mara Costa Sousa, esposa de Luiz Carlos Magno Silva, atua na organização criminosa como sócia de empresas e auxiliando em atividades de lavagem de ativos provenientes dos crimes praticados nas licitações e contratos de transporte escolar dos Estados do Piauí e do Maranhão, aparece como servidora da Semed foi enviada à secretaria, através da assessoria de comunicação, para saber se a servidora ainda permanece nos quadros na secretaria e qual a relação dela com a secretaria, nesse processo investigado também em Timon.

Após duas tentativas para obter as informações pertinentes à denúncia que consta no inquérito policial criminal, a assessora desconversou afirmando que a informação estava em “recorte e, portanto não poderia se pronunciar. Diz a assessoria: “Boa tarde! Desculpa a demora, a decisão do jurídico da Semed é que não tem como responder já que na imagem aparece apenas um recorte, sem ter como saber do que se trata o documento não temos como responder. Então, se possível, “envie mais detalhes deste material”, diz a assessora.

Na última quarta-feira, novamente em contato com a assessoria de comunicação da Secretaria de Educação de Timon, enviamos todo o inquérito à assessoria, que ontem nos respondeu nos seguintes termos:  “Vou enviar para o jurídico analisar”, disse assessora ontem por volta das 14h30, no whatsapp. E até o momento não obtivemos qualquer resposta desta análise.

O que o blog quer saber e a sociedade de Timon, que participa das redes sociais onde o documento é acessado com a informação que liga à participante do esquema criminoso de desvios de recursos públicos do transporte escolar à Secretaria de Educação de Timon é simples. Mas parece que a resposta é muito complicada para a assessoria jurídica da Semed de Timon. Mas de qualquer forma, o espaço está aberto para que a Secretaria de Educação nos envie os esclarecimentos sobre mais esse fato de corrupção no governo Leitoa.

É sócia com Luiz Carlos Magno Silva da empresa Silva & Sousa Participações Ltda. Foi sócia da CEAC Locadora e da NM Locadora (M E L Serviços). Exerceu cargo comissionado na SEDUC/PI, em 2010, e na Secretaria de Educação de Timon/MA, a partir de janeiro de 2013 (este um dos municípios que tem contratado empresas da organização criminosa). Lana Mara Costa Sousa que endossa diversos cheques da Locar Transportes.

O que consta nos autos

Lana Mara Costa Sousa, esposa de Luiz Carlos Magno Silva, atua na organização criminosa como sócia de empresas e auxiliando em atividades de lavagem de ativos provenientes dos crimes praticados nas licitações e contratos de transporte escolar dos Estados do Piauí e do Maranhão. É sócia com Luiz Carlos Magno Silva da empresa Silva & Sousa Participações Ltda. Foi sócia da CEAC Locadora e da NM Locadora (M E L Serviços). Exerceu cargo comissionado na SEDUC/PI, em 2010, e na Secretaria de Educação de Timon/MA, a partir de janeiro de 2013 (este um dos municípios que tem contratado empresas da organização criminosa). Lana Mara Costa Sousa que endossa diversos cheques da Locar Transportes. Ela foi presa durante a operação.

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.