Blog do RibinhaBrasilGeral

Temer, sua filha e nove pessoas são indiciadas por suspeita de receberem propina

O "decreto dos portos" assinado por Temer, segundo a PF beneficiou empresas em troca de propina

Não tá sendo fácil para o presidente Michel Temer
Michel Temer

A Polícia Federal indiciou e solicitou do Supremo Tribunal Federal o bloqueio dos bens do presidente Michel Temer, sua filha Maristela e mais nove pessoas investigadas na operação chamada de “decreto dos portos”, que investiga a participação de todos no decreto assinado pelo presidente que beneficiou a empresa na área portuária em troca de propinas, segundo investigação da PF.

Relator do caso no STF (Supremo Tribunal Federal), o ministro Luís Roberto Barroso encaminhou o documento à PGR (Procuradoria-Geral da República) ontem (16) e vai esperar manifestação sobre se a procuradora-geral, Raquel Dodge, apresentará ou não denúncia sobre o caso. Saiba mais sobre o caso.

 

 

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.