Blog do RibinhaGeral

Vereadores querem saber do TCE e MP informações sobre contratos das caçambas de coleta de lixo

Esses contratos estão em nome do vereador Chagas Cigarreiro e Socorro Assunção

Anderson Pego e Ramon Junior (em primeiro plano), querem informações sobre contratos da caçambas

Se depender dos vereadores de oposição Anderson Pego (PSDB) e Ramon Junior (PP), o caso da prestação de contas referente a 2016 enviadas ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) pelo prefeito Luciano Leitoa em que aparece o nome de um vereador e da esposa de outro em contratos da coleta de lixo em Timon, não irá ficar no esquecimento.

Os vereadores querem saber detalhes como: valores, período e outras informações sobre os contratos de dois a veículos de coleta de lixo contratados pela empresa licitada pela Prefeitura de Timon. Por oficio, os vereadores estão requerendo as informações e também fazendo a troca de dados informando ao Ministério Público quem são os proprietários dos veículos no caso vereador Chagas Cigarreiro e o assistente social Socorro Assunção, mulher do vereador José Carlos Assunção, líder do governo Leitoa na Câmara.

A planilha com o nome dos dois foi enviada ao TCE pela assessoria de contabilidade do prefeito, mas nas circunstâncias que estão divulgadas no site “contas na mão” os vereadores asseguram que pouca informação foi acessada, por isso eles querem saber os valores desses contratos e saber se realmente esses veículos faziam o serviço de coleta.

O TCE tem um convênio com o Ministério Público Estadual que foi concebido para investigar irregularidades nas prefeituras e é com base nesse convênio que os vereadores buscam informações dos contratos em nome de Chagas Cigarreiro e de Dona Socorro Assunção.

Sobre os contratos, o vereador Chagas Cigarreiro admite que o veículo relacionado na planilha é de sua propriedade, mas o mesmo foi vendido o mesmo argumento usado pelo vereador José Carlos Assunção na defesa de que sua esposa.

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.