Blog do RibinhaGeral

Zé Reynaldo prega a união da oposição na eleição do Maranhão

O deputado federal disse que campanha precisa ser aglutinativa.

(Brasília-DF, 29/05/2018) O pré-candidato ao Senado Federal, deputado José Reinaldo Tavares (PSDB), disse nesta terça-feira, 29, após participar da reunião da bancada tucana na Câmara dos Deputados com o presidenciável Geraldo Alckmin, que a campanha do PSDB no Maranhão precisa ser aglutinativa.

Em entrevista exclusiva ao portal da Agência Política Real, ele conclamou os pré-candidatos da oposição a se unirem para vencer as eleições no Estado e provocar a verdadeira mudança que a população maranhense há anos espera.

Falsa expectativa

José Reinaldo lamentou o estado de pobreza em que o governador Flávio Dino (PCdoB) deixou o estado nos últimos quatros anos. Ele disse o governador criou uma expectativa de mudança, que não realizou.

“Nós precisamos de alternativa no poder. E é isso que a oposição tem que se conscientizar, apoiar uns aos outros, e se unir no segundo turno, contra o governador Flávio Dino”, disse.

“Eu tenho certeza que a população acha que ele está devendo muito, em virtude da expectativa criada por ele, à todos nós, que acreditamos nele naquele momento (em 2014), de que ia realmente mudar o Maranhão. Não conseguiu. Então, é melhor dá a vez a um outro. E esse outro está no elenco dos candidatos da oposição, entre eles o Roberto Rocha”, enfatizou o deputado federal.

Zé Reynaldo participou da reunião do PSDB em Brasília

Dificuldades

Ao avaliar a situação da campanha de Geraldo Alckmin no Estado e também para o governo estadual, Tavares admite que existe dificuldades no partido para avançar no processo sucessório.

“Há uma dificuldade hoje dentro do PSDB, no Maranhão, de ter uma estrutura forte para a campanha. O Roberto Rocha é um candidato muito bom. Ele tem que aglutinar. A posição majoritária tem que somar”, disse.

Mas acredita que esse quadro pode mudar. “Acho que isso pode ser corrigido e o Roberto Rocha possa crescer, pois ele tem todas as condições de crescer na campanha”, destacou.

União de forças

O importante nas eleições deste ano, segundo José Reinaldo, é todos estarem unidos para mudar a atual situação social do Maranhão. “O importante é mudar os rumos do Maranhão. É fazer com que a oposição ganhe as eleições para mudar os rumos do Maranhão”, frisou.

Na avaliação do parlamentar, o Maranhão está hoje pior do que estava há quatro anos. “A pobreza aumento no Estado. Em São Luís, a capital, a pobreza é visível. Passou de pobreza extrema de 27% para 49% em dois anos. A renda per capta do Maranhão é a pior do Brasil”, criticou.

“Só temos 10 municípios em que a renda média dos cidadãos é maior do que o salário mínimo. Desses municípios, um é a capital, os restantes são da Região do Matopiba (fronteira agrícola que abrange um pedaço do Maranhão, Mato Grosso, Piauí e Bahia), que é a região de grãos, em que não há uma interferência maior do governo do Estado”, acentuou.

José Reinaldo disse que vê tudo isso com tristeza, “porque o Maranhão está ficando mais pobre; 50 % das famílias de hoje vivem do programa Bolsa Família e isso é inacreditável em um estado como o nossos”, disse. “Então, nós precisamos de alternativa no poder”, acrescentou.

(Por Gil Maranhão. Agência Política Real. Edição: Genésio Jr.)

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.