Blog do RibinhaGeral

Alynne Macêdo pleiteia a construção da delegacia da mulher junto ao deputado Rafael Leitoa

"Uma medida importantíssima para trazer mais segurança e mais dignidade para as mulheres do nosso município", ressalta a Vereadora

Ao lado deputado Rafael Leitoa, Alynne propõe construção de sede própria da Delegacia da Mulher, em Timon

A vereadora timonense Alynne Macêdo publicou em suas redes sociais um vídeo junto ao deputado estadual Rafael Leitoa onde destacou que buscou apoio para a destinação de emenda para a construção de uma sede própria da delegacia da mulher no município.

“Como estamos no mês de março, que é um mês dedicado às mulheres, aproveitei o meu encontro com o deputado Rafael Leitoa para solicitar que seja destinada emenda para a construção da sede própria da delegacia da mulher aqui no nosso município. Uma medida importantíssima para trazer mais segurança e mais dignidade para as mulheres do nosso município que são diariamente, infelizmente, vítimas de violência em todos os ambientes, até mesmo dentro de suas próprias casas”, disse a parlamentar.

Alynne Macêdo ressaltou ainda que apenas 7% das cidades brasileiras possuem delegacia da mulher e destas apenas 15% tem o seu funcionamento 24 horas por dia. “Dessa forma estamos proporcionando às mulheres timonenses mais segurança e um local onde elas podem buscar e garantir os seus direitos”

O deputado estadual Rafael Leitoa parabenizou o trabalho e o empenho da vereadora Alynne Macêdo em prol dos direitos das mulheres e se comprometeu em alocar recursos para a construção da sede própria da delegacia da mulher no município de Timon.

“Uma sede própria onde as mulheres possam ser bem acolhidas, bem atendidas, onde os profissionais de segurança pública possam de fato ajudar cada vez mais as mulheres vítimas de violência. Este mês de março a Câmara Municipal de Timon também irá protagonizar uma belíssima camapnha em prol dos direitos das mulheres e que todas as agressões às mulheres sejam banidas do nosso município, para que as mulheres tenham seu espaço resguardado, na política, no trabalho, no que diz respeito à igualdade de direitos”, pontuou o deputado.

(Assessoria)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.