GeralTimon

Direto de Brasília: Alynne Macêdo tem apoio do PSD nacional para disputar uma vaga na Câmara Federal

Alynne Macêdo é um destaque positivo na Câmara de Timon, diz presidente do PSD

Tempo de Leitura: 2 minutos

A vereadora de Timon Alynne Macêdo participou esta semana em Brasília, de um ato de filiação do seu partido PSD e na ocasião se encontrou com o presidente estadual do partido, deputado federal Edilázio Júnior e também com o presidente Nacional da sigla, ex-ministro Gilberto Kassab, que reafirmaram a pré-candidatura da parlamentar timonense à uma vaga para a Câmara Federal em 2022.

O deputado Edilázio Júnior, presidente do PSD no Maranhão, reforçou que Aynne Macêdo é um destaque positivo na Câmara de Timon e que sua pré-candidatura para deputada federal engrandece o partido e a política no Maranhão. “Nossa pré-candidata Alynne teve aqui a oportunidade de conversar com nosso presidente Kassab e ouvir sobre a importância dos quadros qualificados, que é o caso da Alynne que hoje vem exercendo um grande trabalho na Câmara Municipal de Timon, para exercer esse trabalho aqui na Câmara Federal em Brasília. Timon está de parabéns com um quadro como é a Alynne que tão bem representa o PSD e as mulheres no Legislativo Timonense”, destacou o parlamentar.

Já Alynne Macêdo agradeceu o apoio do partido desde sempre, ainda quando de sua decisão para se candidatar à vereadora de Timon em 2020 e que está sendo reforçado agora para a construção de uma pré-candidatura para a Câmara Federal.

“Gostaria de reforçar o meu desejo de estar representando Timon em todos os ambientes. Timon tem demonstrado o seu desejo por ter uma representante feminina, legitimamente timonense, galgando novas etapas na política para bem representar Timon e o Maranhão. E eu recebo com muito orgulho, com muita responsabilidade essa missão. E estou me colocando, juntamente com o apoio do meu partido, este partido que sempre me apoiou e me ajudou a conquistar uma vaga na Câmara Municipal e agora me abre as portas para galgar novas oportunidades, não para mim, mas para Timon e para o Maranhão”, ressaltou.

(Assessoria)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.