Hospital Municipal de Davinópolis fechado

spot_img
Compartilhe:
Hospital Municipal de Daninóplis
Hospital Municipal de Daninóplis

Um cenário desastroso encontra-se o hospital de Davinópolis, luzes apagadas, sala de espera vazia, aparelhos desligados e a porta principal trancada, essa é a realidade do Hospital, que fica a 10 quilômetros de Imperatriz. Concluído no ano passado pelo governo do Maranhão, o hospital foi entregue para a prefeitura de Davinópolis ainda em junho 2014.

O Hospital, que conta com 20 leitos, centro de parto normal, farmácia, setor de exames e raios-X, funcionou por apenas quatro meses. Em novembro de 2014 a prefeitura decidiu fechar a unidade por falta de recursos para fazer a manutenção. No município, de acordo com o IBGE, são 12.579 habitantes, que enfrentam grandes dificuldades para a realização de procedimentos simples de saúde. ” A dificuldade aqui é muito grande”, afirma Antônio Ferreira Sousa, aposentado.

O custo mensal da manutenção do hospital é em torno de R$ 200 mil. De acordo com a Secretaria de Saúde de Davinópolis, esse valor é inviável para o município. O secretário municipal Julimar Hilariano explicou, ainda, que o hospital foi fechado porque o governo do Estado não cumpriu o acordo feito com a prefeitura.

“Em junho de 2014 o governo repassou esse hospital para o município com o compromisso de repassar R$ 100 mil por mês para ajudar na manutenção. Desse compromisso só foram honradas duas parcelas. O município, com recursos próprios, ainda conseguiu manter o hospital por quatro meses, mas chegamos ao ponto em que não pudemos mais manter por falta de recursos”, afirmou o secretário.

Durante uma inspeção nas unidades básicas de saúde de Davinópolis, o Ministério Público tomou conhecimento da situação e pediu a reativação do hospital. De acordo com a Promotoria de Saúde, a manutenção do hospital é responsabilidade do município.

“A Promotoria da Saúde solicitou ao secretário de Estado que analisasse a possibilidade de o Estado  prestar algum auxílio ao município para que haja o retorno das atividades do hospital”, afirma o  promotor Newton Bello Neto.

O Ministério Público aguarda uma resposta do governo do Estado. Enquanto o impasse não é resolvido, a população de Davinópolis precisar buscar atendimento em outros municípios. O Hospital Municipal de Impertariz é o mais próximo e a grande demanda de pacientes gera a superlotação da unidade.

A assessoria de comunicação da Secretaria de Estado da Saúde disse que o caso está sendo analisado. O órgão afirmou, ainda,  que não existe parecer da secretaria sobre a possibilidade de um convênio com o município de Davinópolis.

 

Edição: Veja Timon

Imagem: Internet/Google

Via: G1

Compartilhe:
Veja Timonhttps://www.vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Morre “Flávio Jubileu” figura lendária de Timon

A deputada Socorro Waquim lamentou a morte de Flávio Jubileu. Após ter sido anunciada sua morte por várias vezes, realmente hoje, 27, foi anunciada e...

Em evento especial, Câmara de Timon debate sobre suicídio e violência contra a mulher

O evento foi organizado pela vereadora petista Da Luz do 7 Estrelas. Nesta terça-feira, 26, foi realizada na Câmara Municipal de Timon um evento para...

Adolescentes da Funac participarão de ação social na Casa do Idoso em Timon

Adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa no Centro Socioeducativo de Semiliberdade de Timon, unidade da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), participarão, nesta...