Blog do RibinhaGeral

Aliados do prefeito reagem negativamente à decisão de comunista descartar apoio aos candidatos da base

Até o genro de Josué se pronunciou: "Família é a base de Tudo" quem não tem apoio da família não tem nada.

Post do genro de Josué contrariado com sua decisão

Tão logo a publicação do blogdoribinha tomou conta das redes sociais sobre a decisão do suplente de vereador Josué Brito (PCdoB) de Timon, em apoiar Leandro Bello (DEM) para deputado federal, contrariando as orientações do prefeito Luciano Leitoa e seu partido, várias reações surgiram e se tornaram os assuntos mais comentados em grupos de whatsapp, aplicativos e redes sociais. A maioria das opiniões é de pessoas incomodadas com a decisão de Josué Brito e assessores ligados ao prefeito Luciano Leitoa nomeado para cargos comissionados que trataram de minimizar o apoio afirmando aquelas velhos jargões de que “ele não tem voto ou que só tem voto do lado do governo”, afirmam. Em alguns comentários, Josué Brito com comentários  maledicentes e até chamado de traidor.

Josué Brito e Leandro Bello: dedo de ok

Uma das reações que mais  está chamando a atenção partiu de Anderson Carlos Nunes, que foi identificado como  sendo genro do suplente de vereador. Num texto de pouco menos de dez linhas, Anderson publicou que “Fico envergonhado com o posicionamento e que um dia ele possa fazer uma Reflexão”, disse o genro de Josué Brito, acrescentando: “Qualquer pessoa que não tem apoio da família e amigos não tem moral para ser representante, sempre digo que uma pessoa deve ter sensibilidade para ouvir e pensar antes de qualquer decisão”, afirma.

Por outro lado, após a publicação e tendo-o como um dos signatários da linha de transmissão do blog, o suplente de vereador Leandro Bello postou sinal de positivo com figura de três mãos com o dedo pra cima afirmando que gostou da notícia do blog.

Em conversa com o vereador Uilma Resende (PDT) na presença de blogueiros, hoje na Câmara, ele minimizou também a decisão do comunista afirmando que esse uma posição isolada, mas que isso tem que ser mais bem trabalhado dentro do governo para não abrir precedência.

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.