Blog do RibinhaGeral

Vereador e grupo aprovados em concurso da PM do Maranhão fazem protesto pela convocação

Hoje fez um ano que 1.800 concursados aguardam pela nomeação para os cargos

Henrique Júnior e os formandos em curso da PM: protesto pela não convocação

Enquanto o povo reclama da falta de segurança nas ruas por falta de viaturas e policiais militares, o governador Flávio Dino negligencia a convocação de 1.800 soldados, que foram aprovados em concurso promovido pelo governo finalizaram o curso de formação da Polícia Militar do Maranhão e nunca foram convocados para o trabalho.

Hoje (3), pela manhã, o líder da oposição em Timon, vereador Henrique Junior (PMN), reuniu um grupo de soldados, que estão nessa condição de aguardar o chamado do governo, para protestar contra a não convocação. O vereador e o grupo de soldados fizeram um bolo e acenderam uma vela para simbolizar o primeiro  ano de espera pela convocação.

Durante o grande expediente na Câmara, ocupando a tribuna como líder da oposição, Henrique Junior disse que: “Temos aqui muitas pessoas que lutaram, que se esforçaram, muitos pediram demissão de seus empregos para poder fazer o curso de formação, com a certeza de que seriam nomeados e agora estão sendo penalizados pelo Governo do Estado do Maranhão. Então pedimos ao governador Flávio Dino que ele possa fazer um cronograma para que eles sejam nomeados”, destacou.

No Maranhão são 1800, em Timon  são quase 100 angustiados na espera e sem sequer um cronograma, explicou o vereador a razão do protesto com bolo de aniversário e “parabéns pra você”.

Comentar via FaceBook

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.